Mito! Cobrir as placas da psoríase com celofane ou qualquer material plástico pode piorar os sintomas da doença. Isso porque o contato da pele com o material plástico pode agravar a inflamação cutânea por causa do calor gerado e da umidade que vai ser produzida no local com o suor natural do corpo.

Na melhor das hipóteses, o paciente não terá nenhuma melhora ao cobrir a pele com celofane. Mas corre o risco de ter piora nas placas e uma crise de coceira ao usar o celofane.

Alguns sites que indicam tratamentos para psoríase alternativos e curas naturais recomendam o uso de celofane na pele após a aplicação da pomada corticoide. Antes de seguir qualquer terapia alternativa, o paciente deve consultar o médico. O dermatologista é o profissional mais preparado para dizer o que pode ajudar no tratamento, o que não surtirá nenhum efeito e o que vai prejudicar o paciente.

O fato é que o celofane pode sim ajudar a potencializar o efeito de medicamentos com corticosteroides, ou cortisona. Esses remédios são muito usados como potentes anti-inflamatórios e receitados para tratar reações alérgicas e mesmo psoríase. No entanto, é preciso tomar cuidado porque não é recomendado para todos os casos. Por exemplo, não se deve usar o celofane diretamente na pele.

O celofane pode ser usado nas unhas. Afinal, não existe risco de suor e de aumentar a umidade na região, o que provoca aumento da inflamação. Portanto, o paciente que esteja em tratamento da psoríase ungueal pode até usar o celofane para cobrir as unhas após aplicar o medicamento com cortisona. Isso poderá ajudar a potencializar o efeito do remédio.

Leia também: Cuidado com as unhas para quem tem psoríase

Antes de usar o celofane nas unhas, o paciente deve se lembrar de perguntar ao médico se essa é uma boa ideia. Se o médico concordar, ele poderá permitir o uso do celofane apenas durante a noite, por alguns dias, para verificar se o paciente não vai ter nenhuma reação alérgica.

Portanto, é um mito que o uso do celofane pode ajudar a reduzir as placas da psoríase. A única exceção é a possibilidade de usar o celofane nas unhas, para ajudar no tratamento com cortisona. Mas os pacientes jamais devem usar o celofane diretamente na pele, nem por período muito longos nas unhas.