A psoríase é uma doença autoimune, mas que frequentemente é desencadeada por fatores psicossomáticos. Isso significa que ela tem origem no sistema de defesa do corpo, mas os aspectos psicológicos do paciente podem levar tanto à sua aparição quanto ao seu agravamento. Não são raros os relatos de pacientes que dizem que a enfermidade passou a se manifestar depois de terem passado por  alguma grande mudança ou trauma.

Como o tratamento psicológico pode auxiliar no combate a psoríase

Outro ponto que agrava os sintomas da psoríase é o estresse, como já contamos no post “O stress e o componente emocional da psoríase”. Problemas enfrentados por todos nós no dia a dia podem levar ao desencadeamento do quadro dos pacientes. Tendo em vista esse cenário, além da prática de esportes para ajudar no bem estar do paciente, as terapias psicológicas e os grupos de apoio podem ser poderosas ferramentas de auxílio no tratamento da  psoríase, e também de outras doenças psicossomáticas.

Leia também: Conheça 3 esportes que ajudam no controle da psoríase

Benefícios da ioga para controlar a psoríase

A terapia irá auxiliar o paciente a lidar com problemas rotineiros, de ordem afetiva, financeira, familiar, refletindo assim na possível diminuição das lesões. O trabalho com um terapeuta também pode ajudá-lo a lidar melhor com sua condição, tendo em vista que a maioria dos pacientes com a doença têm vergonha do aspecto das escaras, das inflamações o que os leva, muitas vezes, a restringir seu contato social.

Os grupos de apoio também podem ser uma peça importante para o controle da psoríase. Encontrar pessoas que possuem um mesmo problema, compartilham sentimentos, dificuldades e vitórias, ajuda no estado de ânimo do paciente, o que também pode auxiliar a manter a doença sob controle.

Entretanto, o que não pode ser esquecido é que as terapias psicológicas devem ser encaradas como um coadjuvante no tratamento da pessoa com psoríase. Em hipótese alguma o paciente deve substituir uma terapia pela outra, e deixar de consultar o dermatologista ou de usar os medicamentos que o especialista tenha prescrito. Manter a mente controlada e tranquila é fundamental para quem tem psoríase, mas seguir à risca as opiniões do médico está acima de tudo.