clima organizacional e bem estarTem se sentido estressada, irritada, insegura? Saiba que tudo pode ser reflexo de uma insatisfação profissional! Desde falta de motivação,  excesso de trabalho, horários inflexíveis, até falta de reconhecimento e remuneração, há vários fatores que podem afetar a sua qualidade de vida.

Todos sabemos que nossa saúde emocional é diretamente ligada às situações de estresse do nosso ambiente de trabalho, pois é lá que passamos a maior parte do nosso dia, e onde temos que lidar com situações competitivas e desafiadoras diariamente. Se não nos sentimos confortáveis e ameaçados, nosso corpo reflete nossas inseguranças, transparecendo novas doenças, depressão e desanimo. Normalmente, o desequilíbrio de poder no seu contexto profissional gera atitudes de compensação no ambiente familiar, onde descontamos em nossos entes queridos a nossa insatisfação e necessidade de controle.

Uma empresa é responsável por estabelecer regras de convivência, assim como construir uma cultura baseada em valores e princípios. Essencial também que garanta que quem seja contratado irá se adequar a este ambiente e mantê-lo harmonioso. A satisfação do cliente é diretamente ligada à satisfação dos funcionários ao trabalhar em determinada empresa, e consequentemente, uma vez que essa satisfação seja baixa, o lucro é baixo e a empresa entra em colapso.

Em conclusão, o pilar de uma empresa reconhecida e bem sucedida é o clima organizacional que lá prevalece.

Bons chefes e líderes entendem a necessidade de um ambiente profissional equilibrado, e é preciso que eles estejam a parte do que está acontecendo sob seus comandos e fora dos registros. Uma conversa calculada pode explicar o que está prejudicando a equipe sem parecer uma queixa individual e conflituosa.

Algumas atitudes simples podem ser tomadas para aliviar o estresse profissional, como:  organizar uma confraternização entre os colegas sem vínculo com a empresa, afinal, nada melhor que um happy hour ou um churrasco para conversar sobre a vida e entender a personalidade de seus colegas; pequenas comemorações de aniversariante do mês, criando oportunidades de gentilezas; incentive a empresa a criar um dia para visita de familiares, para que eles vejam de perto e entendam as dificuldades do dia a dia.

Lembre-se que não vale a pena viver para trabalhar, e seremos sempre melhores no que fazemos quando somos felizes fazendo isso!